SEO: entenda a estratégia e comece a ranquear!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Imagem principal contendo mulher sorrindo com celular na mão e título do post

Sempre que estamos “navegando pelas águas” do marketing digital é frequente escutarmos a sigla SEO, que em tradução literal significa otimização para mecanismos de busca.

Eu sei, ainda assim fica complicado de entender o que realmente isso significa. Por isso, nesse post será explicado tim tim por tim tim sobre essa estratégia tão utilizada para que você também possa começar a ranquear!

Imagem de um cérebro com luzes para ilustrar uma inteligência artificial

Algoritmo:

Quem nunca ouviu um Youtube ou Instagramer reclamando que o aplicativo não está “entregando” as publicações? Se você já ouviu, deve ter uma noção já do que isso significa.

Caso nunca tenha escutado, calma! vou destrinchar tudo agora pra você. O algoritmo consiste em uma combinação de dados para gerar um resultado. Por exemplo, nós recebemos todo dia uma quantidade de informações e nosso cérebro processa tudo isso. Quando alguém te pergunta qual melhor restaurante que você já foi, você coloca o cérebro pra trabalhar e buscar nas experiências já vividas qual foi a melhor antes de responder.

Agora imagina pra inteligência artificial organizar todas as informações que ela recebe por dia e organizar antes de mostrar os resultados pra gente. Imaginou? O nosso “pensar e pesquisar no cérebro” é o “algoritmo” da inteligência artificial!

É o algoritmo que organiza as informações e define as prioridades, fazendo assim a classificação do que vai aparecer primeiro de acordo com os interesses do público.

Ilustração retratando uma aba de pesquisas

Ranking:

O SEO gira em torno justamente do Ranking dos buscadores, mais precisamente, do Ranking do Google. O seu ranking é a posição em que você (seu negócio) se encontra organicamente (de forma não paga/ sem anunciar) nas pesquisas realizadas nos buscadores. Quanto maior o seu ranking, melhor, afinal, você estará alcançando ainda mais pessoas!

Ilustração mostrando computador e pessoas trabalhando em SEO

Otimização:

Existem várias estratégias para melhorar o seu ranking, e todas essas estratégias constituem o SEO, que como falamos anteriormente, é a otimização para motores de busca.

Dentro do SEO existem diversas táticas para que seu produto/serviço seja encontrado na primeira página do Google/motores de busca de forma orgânica (não paga) quando pesquisam sobre seu nicho, como por exemplo, as que listarei abaixo.

Ilustração mostrando lupa contendo a palavra "Search"

Palavras chave:

A primeira e mais importante dessas estratégias é a pesquisa de palavras chave. Você precisa ter em mente o assunto que você irá tratar e buscar de acordo com aquele assunto palavras chaves que te possibilitam um maior alcance, com base em dados que serão disponibilizados na ferramenta que você estiver utilizando (CPC (custo por clique), volume de buscas, dificuldade de ranquear em SEO).

Levar essas informações em consideração te fará economizar tempo e dinheiro. As palavras chave escolhidas por você precisam passar por uma análise, é importante que você leve em consideração o custo por clique relacionado à determinada palavra que você escolher, a dificuldade de ranquear, a autoridade da página que está ranqueando naquela determinada palavra e pondere a viabilidade.

É interessante que você invista em palavras chave de cauda longa, pois apesar do menor número de buscas, as pessoas que fizerem uma busca relacionada a sua palavra de cauda longa sem dúvidas são pessoas que já têm um certo interesse no assunto.

A junção de todas essas informações te possibilitará ponderar palavras chaves que de fato farão a diferença no seu SEO. De nada adiantará escolher uma palavra chave com um bom volume de buscas sabendo que a autoridade da página que está ranqueando com aquela palavra é extremamente alta, por exemplo. Faça uma análise das informações e pondere antes de fazer as escolhas!

Ilustração mostrando símbolos relacionados à internet e cursor

Links internos e externos:

A utilização de links internos é uma excelente forma de melhorar o SEO. Você tem diversas oportunidades de manter o potencial cliente/leitor dentro do seu site/blog, a utilização de links é uma delas!

Ao tratar de um determinado assunto, é possível que você já tenha falado anteriormente sobre temáticas parecidas, que tenham alguma relação, ou até mesmo que se complementem e é claro que você pode aproveitar a oportunidade de linkar para esse post anterior. A utilização de links internos em seus posts além de ser uma excelente estratégia de SEO que contribuirá consideravelmente para que você possa ranquear, mantém (em caso de dúvidas, curiosidades, etc) o leitor dentro do seu próprio canal.

Os uso de links externos é uma excelente forma de ranquear no Google. Por isso é muito importante investir em conteúdos ricos de informação, que de fato contribuam e agreguem algo ao potencial leitor, pois é a qualidade do seu conteúdo que fará com que outros sites/blog possam linkar para você.

Além disso, você também pode colocar links externos em seus posts. Há uma medição feita pelo Google chamada Page Rank, ela leva em consideração a quantidade e qualidade dos links externos de um site e varia de 0 à 10. Ao utilizar links externos em seu site, leve em consideração a autoridade do site que você irá linkar e qualidade do conteúdo!

Ilustração mostrando homem a frente de um computador com uma lâmpada na tela

Escaneabilidade:

As pessoas geralmente tem preguiça de leituras muito longas e você precisa facilitar isso para elas. É comum que haja sempre uma procura pelo “que realmente interessa“, afinal, todo mundo quer que os problemas se resolvam facilmente.

Por isso, você deve sempre se atentar em facilitar ao máximo a leitura, faça o uso de subtítulos, guie o leitor no decorrer do assunto, coloque trechos que você considera importante em negrito, utilize imagens para ilustrar o assunto, utilize tópicos quando for conveniente. Essas estratégias irão facilitar o processo de leitura e consequentemente tornar o seu post mais interessante aos olhos do leitor!

Ilustração mostrando pessoas trabalhando em computador a fim de otimizar SEO

Meta title e meta description:

Duas coisas extremamente IMPORTANTES para o seu SEO, o meta title e a meta description são, respectivamente, o título e a descrição que irá aparecer na página do Google.

O seu meta title precisa ter a palavra chave foco do seu post e no máximo 70 caracteres. É importante que esse título seja convidativo e desperte a curiosidade do leitor. Perguntas funcionam bem, tópicos também, como por exemplo: “SEO: 5 táticas infalíveis!”. Lembre-se de aguçar a curiosidade, oferecendo uma proposta de valor, oferecendo soluções de problemas.

Com a meta description não seria diferente, ela também precisa ter a sua frase chave foco e o limite de caracteres a serem utilizados são 140. Lembre-se de fazer um breve resumo sobre o assunto e instigar o leitor a clicar em sua página, você precisa ser convincente desde o primeiro contato!

Ilustração mostrando pessoas segurando interrogação

Tamanho do post:

De acordo com a Rock Content, o tamanho de um post depende, mas para ranqueamento no Google, é importante que seu post tenha pelo menos 500 palavras, o que não significa que você precisa se prender a esse número. Invista no conteúdo, foque em qualidade.

Ilustração mostrando pessoas trabalhando

Ferramentas:

Existem uma infinidade de ferramentas que podem te ajudar nessa empreitada, como por exemplo, o Google Keyword Planner, que irá te ajudar na busca de palavras chave; O Google Trends, que irá te ajudar na busca por assuntos; o CopyScape, que verifica se há plágio em alguma de suas páginas; o GTMETRIX, que avalia a velocidade do seu site, além de muitas outras que não citei. O fato é que além da sua dedicação e estudo, um bom SEO também depende de boas ferramentas, inclusive, em um post anterior falamos um pouco mais sobre as ferramentas citadas acima.

Ilustração de casal sorrindo com celular na mão

Texto alternativo nas imagens:

Supondo que uma pessoa esteja buscando imagens relacionadas, por exemplo, ao assunto deste post: “SEO”. Caso as imagens por mim utilizadas não tenham um texto alt que remetam ao assunto, dificilmente apareceremos no google images.

quando uma imagem que está sendo utilizada em seu post/site tem um texto alt que remete a um determinado assunto, consequentemente, suas chances de ranquear serão maiores e o link do seu post/site estará disponibilizado para a pessoa que clicar na imagem, aumentando as chances daquela pessoa visitar a página.

Além disso, é importante que você tenha em mente que o texto alt deve conter as informações mais importantes da imagem com a finalidade de resumir a essência do que está sendo retratado. Fazer a utilização de texto alt, além de contribuir com seu SEO, também é uma forma de inclusão, afinal, você consegue tornar o seu post totalmente acessível à deficientes visuais, que utilizam tecnologia assistida e também a pessoas que utilizam um navegador no qual a apresentação de imagens é desativada.

Agora que você já sabe tudo isso sobre o SEO, é importante que você tenha em mente que uma boa estratégia de SEO depende de um bom site/blog, tudo isso conta para que você possa subir no ranking. Então se você ainda não tem um site completamente otimizado, essa é a hora de investir em um!

Veja algumas publicações parecidas

Gostou do conteúdo?

Se inscreva gratuitamente e receba dicas semanais!

newsletter ilustração

*enviaremos um e-mail semanal, nunca te enviaremos spam, pode ficar tranquilo!