Persona: O que é? Como construir uma?

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Toda estratégia, seja ela no meio digital ou não, precisa que você tenha bem definido quem é o público que você quer alcançar, e é justamente à partir dessa necessidade de uma pré-definição de público que surge o tão falado “público alvo”, que nada mais é do que uma estimativa realizada com dados gerais de pessoas que seriam seus potenciais clientes. 

Mas assim como os tempos mudam, a forma de entender o seu público e entender quem são as pessoas que você quer alcançar também vieram se modificando e ainda se modificam a cada dia que passa, principalmente com a inserção do meio digital nos negócios. 

E é justamente devido a essa inserção dos negócios no meio digital e pensando em todos os fatores de necessidade do consumidor que Allan Cooper, conhecido como “pai das personas” notou uma maior necessidade de entender um pouco mais à fundo sobre o seu potencial cliente e construir um perfil ideal para ele. 

E certamente foi pensando em todas essas mudanças que algumas pessoas ainda não compreendem que hoje resolvemos trazer esse tema tão importante e que fará toda a diferença na sua estratégia, seja ela digital, ou não. Rola pra baixo para conferir! 

Homens e mulheres segurando balões acima da cabeça para ilustrar subtítulo sobre o que é uma persona

O que é uma persona?

Por definição, a persona trata-se de um perfil semi-fictício que representa o cliente ideal e ajuda a compreender melhor quais são as características do cliente que você pretende e precisa alcançar. 

Com a persona definida você saberá exatamente com que você está falando e poderá fazer conteúdos com mais qualidade e que supram as necessidades dela. A definição de uma persona deve ser bem específica com nome, idade, hábitos, trabalho, etc.

Como construir uma persona?

Supondo que você tenha uma loja de materiais de construção e queira construir uma persona, você deve estar se perguntando porque, como e por onde começar, né?

Antes de qualquer coisa, realize pesquisas com seus clientes e dentro do seu público alvo, pode ser de forma virtual, ou não, isso fica à seu critério; estabeleça perguntas como: nome, idade, profissão, estado civil, perfil profissional, preferências, rotina, responsabilidades e além disso quaisquer perguntas que você achar que serão relevantes para a construção do perfil do seu cliente ideal. 

Em resumo, o primeiro passo é a coleta de dados! Mas não é fazer de qualquer forma, seja o mais detalhista possível. Busque dados demográficos, pessoais e como já falei, quais mais achar relevantes. 

O segundo passo é realizar a análise de todos esses dados. Coloque na ponta do lápis todos os dados que foram coletados à partir da sua pesquisa.

Estabeleça quais são as características comuns entre as pessoas entrevistadas e assim defina essas características como sendo as de seu cliente ideal. 

Após isso, PERSONIFIQUE! 

Parece besta falar assim, mas o segredo de uma boa persona é a personificação dela. É importante que sua persona seja mais do que dados coletados e anotados em papel. Você precisa pensar na sua persona como uma pessoa real e que você pretende alcançar!

Conforme já falado essa persona deve ser bem específica, por isso escolha um nome pra ela, defina idade, profissão, fale sobre hábitos, dores, etc. Criamos exemplos para ficar melhor para vocês visualizarem:

  • Maria Eduarda, 29 anos, casada, arquiteta, tem o perfil voltado para interiores, gosta de estar sempre por dentro das novidades da sua área, costuma palestrar sobre interiores. 
  • Suas principais dificuldades são fazer com que o cliente compreenda que para realizar um bom projeto é necessário investir em bons materiais. 
  • Sua loja poderia oferecer uma parceria com descontos imperdíveis para Maria Eduarda, facilitando o aceite dos clientes mediante ao material sugerido. 
Mulher com mão no rosto e expressão de dúvida para ilustrar subtítulo à seguir

Qual a diferença de persona e público alvo? 

O público alvo é completamente abrangente e nada específico, ou seja, ele engloba pessoas que poderiam ser seus clientes em potencial. Podemos considerar como um grande público que você poderia impactar com seu produto/serviço.

Exemplo: Homens e mulheres arquitetos, faixa etária de 25 à 40 anos. 

A persona é bem mais específica, justamente para você saber melhor com quem você está falando. Quando você resolve fazer anúncios por exemplo para o público alvo e atinge várias pessoas que não estão interessadas é um grande desperdício de tempo e dinheiro.

Qual a vantagem de investir na persona e não no público alvo?

Ao se basear nas personas no momento de criar conteúdos e fazer uma venda, você poderá ter resultados bem melhores. Quando você cria um conteúdo que soluciona uma questão da sua persona, ela ficará grata e irá acompanhar seu conteúdo podendo virar um cliente no futuro.

Na prática, a persona te possibilita uma compreensão muito maior das pessoas que você pretende alcançar com a sua estratégia, diferente do público alvo, que tem uma abrangência mais ampla e pouco conclusiva. 

Como criar uma persona antes de ter clientes?

Não tenho clientes e agora? Agora é hora de se basear em dados, foque nas informações e assim encontrará o caminho para definir sua persona.

Se você tem o site da sua empresa você pode acessar as informações geradas pelo Google Analytics, assim você terá dados mais específicos como informações demográficas e interesses dessas pessoas.

Como aplicar a persona na sua estratégia de marketing?

Agora que você já fez todas as pesquisas, analisou e definiu as personas, chegou a hora de aplicá-las em todas as estratégias de marketing adotadas. A persona sempre será a base das suas decisões.

É assim que você irá definir a linguagem usada nos seus conteúdos e qual contexto aplicar, sempre usando de base seus gostos e preferências. Seja para divulgação da empresa, aumento de autoridade ou para atrair novos clientes sempre lembre-se da persona.

Com a construção de uma boa persona você conseguirá criar conteúdos muito mais relevantes e bem direcionados, afinal de contas, você conhece as preferências, sabe suas dores e sabe exatamente como trabalhar com esses dados e oferecer seus serviços da melhor forma! 

Criamos um site rápido, bonito e fácil de mexer, para seu negócio ter presença digital!

Você precisa aparecer quando te pesquisarem, e ser superior quando te encontrarem. Fique um passo à frente dos seus concorrentes gastando pouco.

Veja algumas publicações parecidas

feito por:

Gostou do conteúdo?

Se inscreva gratuitamente e receba dicas semanais!

newsletter ilustração

*enviaremos um e-mail semanal, nunca te enviaremos spam, pode ficar tranquilo!